sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Lua


A lua estava lá

Tão brilhante

Tão repleta de si de luz de paz

Eu não me contive e aquiz pra mim

E ela estava logo ali

Tão plena

Estática

Que quase pude alcança-la

E em meus braços abraça-la

Ela estava ali

Tão pudica

Tão lúdica...única

A lua cheia

Em suas fases e faces

Enfeitando as frases e versos dos poetas

Iluminando A face dos apaixonados

Enfeitando minha noite no céu descortinado

Um comentário:

Gilvan disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.